séries

As 10 coisas mais legais de julho de 2013

melhores-mes-julho-13 02/07/2013 – Noites de vinho, sofá, cobertor e séries. Eu e o Henrique aproveitamos uma fase de preguicinha e assistimos as 3 temporadas de Game of Thrones e estamos quase alcançando a temporada atual de Dexter. | 07/07/2013 – A festa de aniversário da Becca. Falei dela lá no Lindezas. | 09/07/2013 – Ir ao Sabina com minha irmã, a Suicinha e o Henrique. Queria conhecer o pinguinário de Santo André há anos (foi um dos ítens que não risquei das minhas 101 coisas em 1001 dias antigas) e foi uma delícia ver a Becca toda animada com tudo por lá. | 13/07/2013 – Show da 89 de graça no Paço Municipal de Santo André! Eita que saudade que eu tava de um desses. Fui à vários quando era adolescente e foi bem legal ver rolando de novo, como essa rádio fez falta! Assisti Matanza, CPM 22 e Ultraje à Rigor, bandas que adoro. | 14/07/2013 – Brincar com a Bia e a Becca juntas. Ai que delícia ter sobrinha por perto, brincando, brigando, subindo em cima de mim, me deixando cheia de roxos. Já tô morta de saudade. melhores-mesm-julho-14b  19/07/2013 – Rever os amigos é sempre uma delícia e quando a gente consegue encontrar quase todos (faltou um!) pra uma noite de risadas e comida gostosa, tem que entrar pras melhores coisas do mês. | 20/07/2013 – Churrasco com outro grupo de amigos, com direito à cachorros pra brincar, visita à casa nova de alguns deles… Agora tô vendo o quanto julho foi recheado de gente querida (pena que faltou nosso jantar mensal, Lec!). Êta coisa boa! | 24/07/2013 – Peguei meu passaporteeeeee! | 30/07/2013 – Dois anos morando no apartamento e enrolando para encomendar um pedaço do tampo do armário da cozinha. Aí chego em casa e PÁ! Henrique criou do zero um muuuuito mais legal e bonito do que a pedra sem graça que íamos comprar. | 31/07/2013 – Fui experimentar o festival de sopas do Ceagesp e provei a sopa de cebola gratinada. AMO sopa, AMO cebola, AMO queijo gratinado… mas não enfrentaria a fila novamente. A sopa é boa, mas não é espetacular. Entrou pros melhores do mês porque eu morria de vontade de ir ao festival (até troquei a ordem a foto pq não queria dar destaque pra ela e sim pro tampo LINDO do Henrique. haha).

Andei lendo: Querido e Devotado Dexter | Jeff Lindsay

Como achei o primeiro livro da série fraco, não tinha muita esperança para esse. Me enganei um pouco.

Somente o primeiro livro corresponde à série de TV. A partir desse segundo, as histórias são totalmente diferentes (embora algumas coisas lembrem outras que aconteceram na TV). Aqui, Dexter está sob vigilância do Sargento Doakes (não disse que tem coisa que se parece?) e não consegue ter tempo livre para matar. Isso o deixa maluco e o faz fingir uma vida pacata enquanto não consegue pensar em um jeito melhor de se livrar do chato do Doakes.

Nesse meio tempo, um médito louco começa a amputar até quase a morte alguns caras que eram do exército e fizeram alguns trabalhos em El Salvador. A sorte de Dexter: Doakes era um desses caras. O azar: ele não faz a mínima ideia de como fazer o cara pegar Doakes.

Achei a história interessante, essa coisa de médico louco me deixou curiosa para saber quem e o que ele iria amputar em seguida. A parte chata é que o Dexter fica mais burro ainda nesse livro, cansa um pouco. O final também é chatinho, um tanto quanto simples demais. Mesmo assim, achei melhor que o primeiro livro.

Preço: R$30,90 no Submarino