holanda

Amsterdam – dicas

amsterdam-canal-dicas

Não vou compartilhar o roteiro e o mapa dos nossos dias em Amsterdam porque não seguimos eles para quase nada. Hahaha. A grande maioria dos lugares que mostrei aqui não estavam neles, então achei que seriam inúteis para vocês. ;)

Dicas:
– Em Amsterdam todo mundo fala inglês perfeitamente. Não teve uma pessoa com quem eu tenha falado que tivesse inglês ruim, os coitados devem é ter sofrido para me entender. Hahaha.
– No mercado a maioria das águas é com gás. Eu odeio água com gás e tomo água o dia todo, então me ferrei dois dias seguidos tentando encontrar a que era sem gás. Peguei a azul marinho em um dia e ela tinha MUITO gás. No dia seguinte peguei outra cor e tinha menos gás, mas ainda tinha. Só acabei descobrindo qual era a cor da tampa da água sem gás (que eu não lembro mais, desculpa aí) porque a caixa do mercado me avisou. Ela disse que a maioria dos turistas erra e acaba tomando água com gás sem querer. Muito gente fina essa menina.
– O que eu acho que você não pode deixar de provar por lá? Stroopwafel (amor eterno, amor verdadeiro) e refrigerante de cassis. Aqui no Brasil eu evito ao máximo tomar refrigerante, mas esse de cassis era bom demais e eu tomei feito uma louca. Delicioso! <3
– Você vai encontrar muita gente fazendo “turismo-woohoo” por lá, se acabando na maconha. Vi de grupos de adolescentes à excursões de vovôs que saíam malucos dos coffeeshops fazendo o maior auê. E eram turistas, porque a galera da cidade que frequenta os coffeeshops ficava de boa sentada nas mesinhas da calçada fumando, conversando, numa boa. Já no trem um turista muito louco sentou ao meu lado e, além de feder a maconha e estar totalmente chapado, foi comendo um bolinho de maconha muito fedido o caminho todo. Depois ainda lambeu o papel, foi muito nojento. A cara do rapaz que estava sentado de frente pra nós dois e via tudo de camarote foi impagável. Hahaha.
Tome cuidado com as bicicletas. A cidade é realmente cheia delas e, se você não tomar cuidado, pode acabar sendo atropelado por uma ou causar um acidente. Preste muita atenção.
Respeite a entrada e saída das pessoas nos vagões de trem e metrô. Não coloque os pés nos assentos. Vi gente levando bronca por causa disso.
Ande. Pegamos metrô só no primeiro dia porque as mochilas estavam pesadas e o trem para ir e voltar do aeroporto. Fora isso, andamos o tempo todo e foi tranquilo. Dá para andar com a câmera na mão, sem medo de ser assaltada (que saudade disso!), as ruas são na maioria planas e você não se cansa muito. Quando cansar, é só encontrar o canal mais próximo e dar uma paradinha para descansar e apreciar a vista ;)

Amsterdam – Lugares que conheci por acaso

Quantas vezes já falei por aqui que ter tido a Paula para passear com a gente por Amsterdam foi uma maravilha? Foi com ela que acabamos conhecendo a maioria dos lugares que não estavam em nosso roteiro e que foram muito legais. Andar pela cidade, ver com mais calma o dia-a-dia da cidade e descobrir cantinhos cheios de história é gostoso demais e fez os nossos dias pela cidade serem muito mais especiais. :)

Canais

amsterdam-canais01

Que Amsterdam é toda cortada por canais você provavelmente já sabe. Antes de ir encontrei alguns roteiros falando sobre os canais mais bonitos, quais geram fotos mais legais… e, sinceramente, não lembro o nome de nenhum por onde a gente passou e chegou uma hora em que eles pareciam quase todos iguais. Tem TANTO canal, o tempo todo, fica difícil de guardar os nomes e acho um pouco de bobeira sair procurando um em específico só porque dizem que lá dá para fazer fotos mais bonitas. Em todos dá para tirar fotos legais. Mas eles são lindos mesmo e, se der, dizem que vale a pena fazer um passeio de barco por eles. A gente não fez, mas a próxima vez que eu voltar para lá no verão não saio de lá sem fazer. ;)

amsterdam-canais02 amsterdam-canais03 amsterdam-canais04Blue Cafe

amsterdam-bluecafe01

O Blue Cafe é um restaurante que fica no topo de um shopping e, de lá, você tem uma vista super bonita da cidade. Eu queria ir desde que li essa lista da Paula com 5 coisas para se fazer na cidade e não decepcionou. A gente chegou em cima da hora para fecharem, então só pedi uma água e tiramos as fotos bem rapidinho. Aliás, se você for lá ver a lista da Paula vai ver o que ela acha do Winkel 43, onde ela levou a gente para comer uma das melhores tortas de maçã da nossa vida. <3

Depois, lendo no Ducs Amsterdam, descobri que o shopping onde o Blue Cafe está foi construído no local onde um dia existiu a primeira prisão de Amsterdam, onde processavam o Pau Brasil tirado daqui da nossa terra. O prédio original foi derrubado, mas mantiveram um dos portões, com essa escultura da foto abaixo.

amsterdam-bluecafe04

amsterdam-bluecafe02

 Vlaams Friteshuis Vleminckx

amsterdam-batatafrita

Bem em frente à esse portal da antiga prisão que eu falei aí em cima tem uma ruazinha. Andando nem 100 metros por ela você vai encontrar, no número 33, uma portinha que vende batatas fritas. Eu tinha lido em algum lugar que essas eram consideradas as melhores batatas da cidade e como tava quase na hora do almoço, resolvi provar. E ó: beeeem boa. E beeeeeem cheia de maionese! Hahaha. Quase tive um treco de tanto comer, o Henrique tinha comido muito no café da manhã e só pegou um pouquinho pra provar.

E sim, tô olhando essa foto e sentindo saudades das batatas. Que fome!

Browerij ‘t IJ

amsterdam-brouj0

A gente pensa em Holanda e vem logo à cabeça a imagem de moinhos. E aí você chega em Amsterdam e não tem moinho nenhum pra ver. Hahaha.

Esse, da Browerij ‘t IJ é o único da cidade. A cervejaria artesanal é bem popular, mas não sei dizer se tem cerveja boa porque quando passamos por ela tínhamos acabado de almoçar um lanche delicioso, estávamos quase rolando. Mas uns amigos foram há pouco tempo e elogiaram muito, então agora estou doida para provar também. Hahaha.

amsterdam-broujMercado de pulgas da Waterlooplein

amsterdam-waterloo01

Toda vez que lembro dessa praça começa a tocar Abba na minha FM mental. Hahaha.

É um mercado de pulgas ao ar livre, mas além das coisas antigas também dá para encontrar muita coisa nova. É a boa e velha feirinha hippie, sabe? A gente só andou e olhou, não compramos nada (não cabia nem mais uma agulha nas nossas mochilas)… é um passeio legal, dá para ver peças de roupa e objetos bem curiosos.

amsterdam-waterloo02 amsterdam-waterloo03

 

Clica aí, colega! #17

Que saudade de mostrar links legais por aqui! :D

links-semana17a

– Sabia que a história da Anne Frank vai virar animação? Depois que vi esse post no Update or Die fiquei doida pra assistir. Quem me mandou o link foi a Lec. :)
– A Debas deu dicas de passeio fora do roteiro turistão de Amsterdam. Deu vontade de voltar à cidade para conhecer tudo o que ela mostrou.
– A Patrícia visitou o Templo Zu Lai, um lugar de SP que quero muito conhecer. Parece ser tão gostoso passear por lá…
– Adoro The Killers, é uma das minhas bandas favoritas. Também adoro a carreira solo do vocalista, Brandon Flowers. Fiquei bem animada ao ler a Raquel falando mais sobre o novo cd do muso. <3
– Você compra um livro e usa os tickets que estão nele para fazer vários programas acompanhado pelo preço de uma pessoa só. Ideia boa? A Mel conta um pouco mais sobre a ideia.

links-semana17b– E não é que o Jardim Secreto virou febre nacional? Ontem até matéria na Ana Maria Braga teve! Se você também se rendeu aos livros de colorir para adultos, esse post do Chat Feminino está para você. A Nary separou alguns outros livros para você se divertir.
– Lembra que falei aqui sobre ter saído da agência, voltado a morar em Santo André e tudo mais? Foi meio que meu período sabático, sabe? E me identifiquei tanto com esse texto da Jana que parece que quem escreveu fui eu. É tão o que eu tô vivendo agora.
– A Isa completou 26 anos e escreveu algumas lições que aprendeu nesse tempo e ó: são dicas de ouro pra essa vida. Vale a leitura.
– Você se sente confortável em ter o corpo que tem e ser quem é? A Anna te dá um empurrão para você se aceitar um pouco melhor.
– Tá precisando de um pouco mais de positividade na sua vida? Olha esses perfis fofos no Instagram, dica da Adri.

Bom final de semana!