comida

366 Nuncas: #134 a #140

Fiquei tão sem tempo que me atrapalhei toda e nem percebi que acumulei três semanas do projeto. Vou postando aos poucos, até semana que vem espero já estar em dia. :)

#134 – 13/05/2012

Dia das mães, eu tinha dois almoços deliciosos para comer e… peguei virose! Nunca tinha tido isso, afe que coisa horrível. O jeito foi ir para o hospital.

.

#135 – 14/05/2012

Ainda não estava saindo para almoçar por conta do pé e estava ruim por causa da virose. Tive que pedir para os colegas trazerem sopa do shopping e ó: bem boa. Nem sabia que esse restaurante fazia sopa e gostei.

.

#136 – 15/05/2012

Começou a esfriar e o dedo estava doendo pra caramba. Aproveitei pra usar pela primeira vez essa meia/pantufa de lã que comprei em uma promoção no verão. Bonita e mega quentinha, passei o dia no ar condicionado sem sentir dor nenhuma no dedo! :D

.

#137 – 16/05/2012

Ganhei esse colar da minha irmã e estava esperando a roupa ideal para usá-lo. Aí era o aniversário dela e resolvi usar pra homenageá-la. Nunca tinha tido nada da H&M e achei bem feitinho, gostei.

.

#138 – 17/05/2012

A Déa está de profissão nova e veio aqui na agência pra mostrar seus dotes de manicure. Faz um tempo que ela está trabalhando como manicure mas eu ainda não tinha feito a unha com ela. Todo mundo adorou (eu mais ainda, né? Muito bom ter manicure que é amiga, gente!), pena que depois a gente entrou em um período de super loucura por aqui e não conseguimos chamá-la de novo.

.

#139 – 18/05/2012

A foi jantar lá em casa e levou fotos reveladas de uma Lomo que ela tem. Nunca tinha visto ao vivo fotos de lomo reveladas (só da minha lomo fake que não saiu quase nada) e gostei. Também ganhei um abridor de garrafas do Elvis. Tem como não amar? :)

.

#140 – 19/05/2012

Aniversário do meu irmão e aquele nunca mega óbvio: nunca tinha comemorado os 38 anos dele. :)

366 Nuncas: #036 a #042

#036 – 05/02/2012

Minha mãe encontrou alguns vinis antigos e queria dar um fim neles. Aproveitei e peguei vários pra mim, aí minha irmã reclamou que eram dela e falei que estão guardados comigo. Durante a semana ela ficou meio indecisa se quer mesmo os vinis ou não, então os que eu mais queria já considero meus (mesmo que eu tenha que devolver pra ela depois. hahah). Nunca tinha tido um vinil do Ultraje à Rigor, banda que adoro! :)

.

#037 – 06/02/2012

Ando trocando muitos livros e foi assim que consegui um que estava querendo muito desde que foi lançado: A morte de Bonny Munro, do Nick Cave. Nunca tinha lido nada do cantor e gostei bastante (terminei ele hoje cedo).

.

#038 – 07/02/2012

Comprei uma sapatilha linda na Shoestock, mas cismei de comprar exatamente do meu número. Resultado: ela apertou tanto que na hora do almoço tive que buscar uma alternativa. Tava doida querendo essa Havaianas dos Muppets e quando vi que tinha no shopping, foi a solução. Nunca tinha tido nada dos Muppets e estou apaixonaa pelo chinelo.

.

#039 – 08/02/2012

Tô fazendo um regime totalmente sem carboidratos. Tá indo super bem, não ando tão louca para comer os salgados mas tô morrendo de saudade dos doces. Aí nesse dia tava MALUCA pra comer alguma coisa doce, passei na padaria para comprar frios e vi esse bolo. Trouxe para o namorado, que adorou. Nunca tinha comprado um bolo e não experimentado nem um pedacinho (juro! Nem migalha dele eu comi). Tô orgulhosa de mim.

.

#040 – 09/02/2012

Meia nova, nunca usada. Ai que delícia. :)

.

#041 – 10/02/2012

Com o regime tive que procurar alternativas de lanche que eu pudesse comer. Assim, acabei caindo no Polenguinho que eu sempre ODIEI muito, tinha até ânsia quando colocava na boca. A fome falou mais alto e ó: eu que nunca tinha gostado, passei a achar o Polenguinho gostoso até. Claro que hoje, segunda-feira, já tô um tanto empapuçada dele, mas tudo bem.

.

#042 – 11/02/2012

Fui ao cinema e foi um marco: só tomei água (e não comi nada) durante o filme todo, coisa que NUNCA TINHA NEM PASSADO PELA MINHA CABEÇA. Hahaha. O filme que escolhi? Os homens que não amavam as mulheres, que eu tava maluca para assistir há meses. Adorei, achei a adaptação MUITO bem feita, com pouquíssimas modificações e saí doida para ter o segundo da triologia logo.

 

Diário da mudança: estreando o pote da vergonha

Foto: DJ Design Lab

Só pra eu deixar registrado que, depois de 13 dias, hoje a vergonha fugiu um pouco dessa minha cara de pau e ó: o pote da vergonha fez sua estreia. Foi uma fugidinha besta, pra matar a vontade de provar algum produto da Brigadeiro Retrô. Com isso, lá se vão R$6 pro meu potinho da vergonha. E pronto, a vontade passou totalmente e voltei pro regime.

E sim, até isso eu encaro como uma vitória. Sou dessas que foge do regime logo no começo e larga, sabe? Pois é. 13 dias firme e forte já é uma felicidade grande. E só conto como uma fugida porque os pontos estrapolaram meu limite diário, se não tava tudo bem. Por isso tô gostando tanto dessa dieta. ;)